Elimine as dores no nervo ciático
Benê Camargo

O ciático é formado por raízes que saem da região lombar e formam um grande nervo, que percorre o quadril e a parte posterior da coxa. É muito importante para o corpo e para os movimentos humanos, pois é ele o responsável pela inervação da perna (o músculo não trabalha sem inervação). É o nervo ciático o responsável por enviar aos neurônios a informação de que a musculatura desse membro deve agir.
O que causa a dor é a contração muscular. Quando o paciente chega com tensão nessa área, é feita a massagem. Ao massagear o músculo que apresenta desconforto, aumentamos a circulação no local, o que faz com que ele relaxe. Muita gente só descobre que esse nervo existe quando ele reclama e provoca dores insuportáveis. Pare de sofrer com essas dores: a massagem produz um ótimo resultado, além de proporcionar um bem-estar e uma qualidade de vida melhor.
Engana-se quem pensa que as temidas dores no nervo ciático são sintomas de velhice. Há algum tempo, isso era mesmo verdade. Mas hoje em dia cada vez mais jovens sofrem com a dolorida irritação desse nervo. E isso graças, em grande parte, aos maus hábitos rotineiros, como uma postura incorreta e a prática de esportes de maneira inadequada (sem um aquecimento prévio, por exemplo).
Entre os motivos que levam os jovens a sofrer com as dores ciáticas estão o hábito de passar muitas horas em uma mesma posição e o sedentarismo generalizado, assim como a sobrecarga física e emocional. A incidência do problema, que antes era maior aos 40 anos, hoje se concentra já por volta das 30 anos. Muitas vezes, o desconforto é um caso de lombalgia (dor na região lombar), que pode estar acompanhada de inflamação ou outra anormalidade relacionada ao nervo ciático, que passa nessa região.
No entanto, a reclamação pode representar também um caso de hérnia de disco, o que requer o cuidado de um médico tradicional, já que pode ser necessário até mesmo passar por uma cirurgia corretiva.
A sensação da dor ciática pode ser de formigamento na perna, associado a dores que lembram pontadas na região lombar. Ela percorre os membros inferiores e pode se manifestar apenas em uma, como acontece na maioria das vezes, ou em ambas as pernas. É uma dor bastante chata, descrita por quem a sente como “um formigamento pulsante que irradia até o pé”.

Benê Camargo é educador físico e profissional da saúde. Provisoriamente seus horários de atendimento são de segunda a quarta-feira, das 17h30 às 22h. Tel.: 11-99850-7625