Biquínis: acerte na hora da compra
Flávia Quintella

Você não precisa ter corpo de modelo para abusar do biquíni. Basta escolher o modelo certo para valorizar suas curvas e assim desfilar pelas praias com tudo em cima!
Veja algumas dicas, de acordo com o tipo físico, e acerte na hora da compra:
- Magrinhas: modelo cortininha, tomara-que-caia e lacinhos na lateral do biquíni são bem-vindos, assim como cores claras e estampas. Se você é do tipo mignon, evite estampas muito grandes.
- Seios pequenos: se quiser dar um pouco de volume aos seios, opte por modelos com bojo, tomara-que-caia estruturado, meia-taça, drapeados e franzidos. Se você tem ombros largos, evite o tomara-que-caia e invista no modelo frente única.
- Seios grandes: modelos com alças largas e barbatanas ajudam a sustentar os seios e deixá-los mais bonitos. Meia-taça com sustentação e frente única são as melhores opções.
- Quadris estreitos: modelos com amarrações laterais ou detalhes, como fivelas, valorizam a região. Outra pedida são as calcinhas com cinto.
- Quadris largos ou bumbum grande: calcinhas com laterais largas ajudam a disfarçar o culote. Outra sugestão é chamar atenção para o colo (uma parte magra do corpo), usando a alça do top de outra cor que o resto ou usar a calcinha lisa com um top estampado ou detalhado.
- Barriga saliente: as calcinhas com cintura mais alta são a melhor escolha, pois sustentam a barriga e modelam mais o corpo. Dê preferência a uma peça lisa e de cor escura, que afina a silhueta. Outra opção para as gordinhas é usar maiô. Os modelos frente única (o famoso engana-mamãe) ou com algum detalhe do busto são excelentes escolhas.
Se, mesmo com todas as dicas acima você continuar em dúvida, invista em um top frente única e nas calcinhas com laterais mais largas, que ficam bem em qualquer tipo físico.

Flávia Quintella é consultora de imagem e estilo (www.flaviaquintella.com.br)